CRIAR Loja Virtual

Blog - Atualizações

A integração do Mercado Livre com sua loja virtual: um casamento que rende

Publicado em 07.07.2017 às 16:52 | Postado em: Atualizações | Fonte: ecommercebrasil.com.br
Compartilhe:

Você, que é proprietário e/ou administrador de uma loja virtual, seguramente já pensou em como vender mais e gerenciar melhor o seu negócio. Uma forma fácil e possível de alcançar esse objetivo é integrar seu e-commerce com diversas outras plataformas para ampliar o público, como Facebook, Google Shopping, Buscapé e, claro, o Mercado Livre.

Este último é o serviço de compra e venda mais popular da América Latina e um excelente lugar para você divulgar seus produtos e atingir mais pessoas, especialmente aquelas que não estão muito acostumadas a lidar com sites específicos de e-commerce e preferem o marketplace.

Mercado Livre em números

Nascido na Argentina, em 1999, o Mercado Livre atualmente tem presença em mais de 15 países e está entre os 50 sites com mais page views do mundo. Segundo números fornecidos pela com Score Networks, o site de comércio eletrônico tem 152 milhões de usuários cadastrados e é o 10º site de e-commerce mais acessado do planeta.

Diante de números tão significativos e das grandes possibilidades as quais podem ser exploradas no marketplace, falarei neste artigo sobre a integração de seu e-commerce com o seu perfil no Mercado Livre.

Como funciona a integração?

Habilitando a sincronização é mais fácil e rápido publicar seus produtos em ambas as plataformas. Basta preencher todas as informações (nome, descrição, foto, preço e etc) na sua loja e elas serão duplicadas no Mercado Livre, lançando a novidade nos dois canais. Não é preciso fazer todo o processo duas vezes.

Todos os meus produtos serão publicados?

Apenas os que você escolher. É possível selecionar exatamente o que você deseja replicar e o que prefere manter apenas no e-commerce. Recomendamos, inclusive, que confira os custos de publicação do Mercado Livre antes de tomar essa decisão.

E quanto ao tipos de anúncios?

Você também poderá definir qual tipo de publicação deseja fazer no Mercado Livre, pagando os mesmos valores de quem cadastra o produto diretamente por lá. Vale a pena diferenciar o anúncio de acordo com a mercadoria: as mais rentáveis talvez precisem de mais exposição, enquanto outras podem ficar com uma opção mais econômica.

Como funcionam os pagamentos e entregas?

Caso você utilize a plataforma Nuvem Shop, seus clientes do Mercado Livre poderão pagar pela compra através do Mercado Pago, ferramenta própria do marketplace. A venda, no entanto, também será contabilizada em seu e-commerce e aparecerá em seu painel de administração. É só aguardar a confirmação de pagamento antes de enviar o produto.

Por que vale à pena?

Além da praticidade de não precisar cadastrar produtos diversas vezes, essa integração facilita a administração da sua loja. Independentemente de onde a compra for realizada, você poderá acompanhar todo o processo diretamente do seu negócio e ter acesso a todos os dados do cliente e as estatísticas completas de vendas.

Continue lendo o artigo »

  • 1

Receba nossas novidades

Receba dicas de comércio eletrônico e recursos diretamente em seu e-mail.

Categorias

Últimos Posts